Ibovespa fecha em queda, com Petrobras (PETR4) caindo mais de 6%

Mercado não reagiu bem à troca de comando da Petrobras, anunciada na véspera.

Author
Publicado em 15/05/2024 às 18:00h - Atualizado 29 dias atrás Publicado em 15/05/2024 às 18:00h Atualizado 29 dias atrás por Marina Barbosa
Petrobras é a maior empresa da B3 e puxou Ibovespa para baixo (Shutterstock)
Petrobras é a maior empresa da B3 e puxou Ibovespa para baixo (Shutterstock)

O Ibovespa fechou em queda nesta quarta-feira (15), pressionado pela Petrobras (PETR4). As ações da estatal caíram mais de 6% após a demissão de Jean Paul Prates do comando da companhia.

📉 Com a maior empresa da B3 em queda livre, o principal índice da bolsa brasileira recuou 0,38%, aos 128.027 pontos. Já o dólar subiu 0,12% e terminou o pregão negociado a R$ 5,13, depois de dois dias seguidos de perdas.

O destaque do dia foi a troca de comando da Petrobras. O presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) demitiu Jean Paul Prates e indicou a ex-diretora da ANP (Agência Nacional do Petróleo), Magda Chambriard, para o cargo na terça-feira (14).

🔃 Já nesta quarta-feira (15), o Conselho de Administração da Petrobras ratificou a saída de Prates e nomeou a diretora executiva de Assuntos Corporativos, Clarice Coppetti, como presidente interina da companhia. O nome de Magda Chambriard ainda passará pelos procedimentos internos de governança corporativa da Petrobras.

Leia também: Petrobras (PETR4) teve 12 presidentes desde o 1º governo Lula, veja lista

A troca ocorre na esteira da crise dos dividendos extraordinários, cuja retenção foi recomendada pelo governo e não teve o apoio de Prates. E não foi aprovada pelo mercado, que prevê um alinhamento maior da companhia com o Executivo na possível gestão Magda.

O resultado: as ações ordinárias da Petrobras derreteram 6,78% e as preferenciais caíram 6,04%. O baque fez a Petrobras perder R$ 34 bilhões em valor de mercado nesta quarta-feira (15). A companhia encerrou o pregão avaliada em R$ 509 bilhões, segundo o CEO da Elos Ayta Consultoria, Einar Rivero.

EUA

Já nos Estados Unidos, as bolsas fecharam em alta, depois de a inflação desacelerar em abril. O CPI (índice de preços ao consumidor), subiu 0,3% no mês, abaixo das expectativas. Veja o fechamento:

  • Dow Jones: 0,88%;
  • S&P 500: 1,17%;
  • Nasdaq: 1,40%.

Baixas

Além de Petrobras, a Vale (VALE3) e os bancos puxaram o Ibovespa para baixo nesta quarta-feira (15). A mineradora recuou 0,29%, o Santander Brasil (SANB11) caiu 2,06% e o Banco do Brasil (BBAS3) perdeu 1,29%.

Veja outras quedas do dia:

Altas

Por outro lado, a seguradora Porto (PSSA3) disparou 9,38% e a JBS (JBSS3) avançou 8,11% na esteira dos resultados do primeiro trimestre de 2024.

Destaque também para o Magazine Luiza (MGLU3), que subiu 1,90% e foi a segunda mais negociada do dia, atrás apenas das preferenciais da Petrobras.

Veja outras altas do dia: