Para aqueles que gostam e acompanham o mercado financeiro, certamente já ouviram sobre o mercado de criptomoedas.

De fato, as criptomoedas são uma novidade para o mercado financeiro. Contudo, ocupa grande espaço no mundo das finanças mundiais.

Quando se fala em mercado de criptomoedas, a mais popular é o Bitcoin. Mas saiba que ela não é a única.

Assim, é importante que conheça esse mercado e saiba quais são as criptomoedas para 2021. Além disso, aprender como pode se tornar um investidor e lucrar com esse ramo.

Venha conosco e aprenda tudo sobre o mercado de criptomoedas.

O que são criptomoedas

As criptomoedas constituem uma nova forma de estabelecer relações de compra e venda.

Em resumo, elas são o futuro do dinheiro físico. Muitos economistas e pesquisadores sugerem que, futuramente, todas as negociações tendem a ocorrer de maneira virtual.

Por isso, as criptomoedas funcionam de maneira virtual. Ou seja, existem apenas na internet.

Há um catálogo grande de criptomoedas disponíveis no mercado. Todavia, quantidade considerável dessas moedas virtuais são utilizadas em negociações e estabelecimento de contratos

Nesse sentido, pouco a pouco as criptomoedas evoluem para se tornarem mais acessíveis ao cidadão comum.

Por consequência, um dia serão utilizadas em operações de compra e venda cotidianas. Por exemplo, em uma ida ao supermercado ou à farmácia.

Para competir com o dinheiro físico, o mercado de criptomoedas solucionou grandes desafios que os bancos tradicionais enfrentam. Por exemplo, o problema da segurança e transparência nas operações financeiras.

Em resumo, as moedas virtuais utilizam tecnologia e criptografia extremamente avançada. Dessa forma, garantem que as transações sejam seguras, irrastreáveis e salvas de hackers.

dados sobre o mercado de criptomoedas em 2021
Bitcoin – Foto por Freepik

Dados sobre o mercado de criptomoedas

Talvez você ainda esteja desconfiado sobre o mercado de criptomoedas. Contudo, ao receber os dados seguintes, temos certeza que notará a extrema rentabilidade desse mercado.

O Bitcoin, a criptomoeda mais conhecida e popular do mundo, rendeu no ano de 2020 cerca de 415,20%.

Mesmo em meio a pandemia e crise econômica, o mercado de criptomoedas cresceu de forma acentuada.

Além disso, no início de 2021 o mercado de criptomoedas apareceu nos noticiários com uma surpreendente notícia:  o valor das criptomoedas subiu mais de 10%, permitindo que esse mercado chegasse, pela primeira vez, à marca de 1 trilhão de dólares.

Desse 1 trilhão de dólares, o Bitcoin sozinho é responsável por 69%, seguido da criptomoeda Ether com 13%.

Se você somar as altas de todas as criptomoedas, perceberá que esse mercado aumentou mais de 900%.

Mas é importante te dizer: resultados passados não são garantias de resultados futuros. Esse artigo também não é recomendação de investimento, tendo apenas o objetivo de ser informativo e educacional.

Motivos para o crescimento desse mercado

1 – Aumento da adesão do Bitcoin

O Bitcoin, como podemos perceber pelos dados impressionantes, bate recordes de lucratividade constantemente.

O sucesso dessa criptomoeda é tamanho que chegou a superar o ouro – ativo mais rentável do mercado.

Como o Bitcoin foi a criptomoeda que inaugurou o mercado das criptomoedas, estando no mercado desde 2009, rapidamente caiu no gosto dos investidores mundiais.

Consequentemente, isso foi determinante para que sua popularidade alcançasse um nível tão elevado.

A consequência dessa popularidade é que as pessoas aderem mais ao Bitcoin do que outras criptomoedas.

Isso porque ela já é uma moeda conhecida e traz mais segurança aos investidores iniciantes e avançados.

Outro fator que contribui para o aumento da adesão do Bitcoin são os altos lucros. Isto é, mesmo em meio a crise, pandemia e a instabilidade econômica o Bitcoin se mantém ativo.

Mercado de criptomoedas em 2021: 2 – Proposta de valor

Esse é um elemento determinante para a alta no mercado das criptomoedas.

Além de render muito, os lucros são bastante significativos. Então, ao entrar no mercado das criptomoedas existe a possibilidade do investidor se sair muito bem e conseguir uma ótima remuneração.

Entretanto, não confunda alta lucratividade com ganho fácil. Afinal, é necessário muito esforço para conseguir resultados satisfatórios.

Ademais, as moedas virtuais possuem boa previsão para o futuro. Especialistas apontam que a tendência é que essas moedas valorizem ainda mais, especialmente com seus usos chegando ao cotidiano ao dia a dia das pessoas.

O mercado de criptomoedas apresenta grandes altas.
Homem mexendo em um gráfico – Foto por Freepik

3 – Grandes investidores e empresas estão migrando para o mundo cripto  

Os contratos inteligentes feitos nas plataformas de criptomoedas são caríssimos. Por isso, muitas vezes são negociados por empresas gigantes, por exemplo, a Google.

De fato, a Google e a Microsoft são dois exemplos de gigantes da tecnologia que firmam contratos e negociações através de plataformas de moedas virtuais.

Além de proporcionar alta lucratividade, segurança e transparência, há outro motivo importantíssimo que justifica a procura pelo mercado das criptomoedas: a descentralização.

Embora não pareça, o mundo capitalista moderno é formado por um oligopólio. Ou seja, meia dúzia de empresas controlam praticamente todo o processo de compra e venda mundial.

Por isso, o mercado das criptomoedas veio com a pretensão de livrar usuários, investidores e empresas da centralização comercial. A proposta é que nas plataformas todos tenham autonomia e voz. 

O que se espera do mercado de criptomoedas em 2021?

Os dados citados acima já são excelentes indicadores do mercado de criptomoedas para o ano de 2021. Afinal, nos primeiros dias de janeiro o mercado atingiu a marca trilionária.

Fora isso, o Bitcoin terminou o ano de 2020 em alta e mantém o ritmo de crescimento.

Além disso, o aumento na procura de criptomoedas elevará a quantidade de ativos, contratos e negociações firmadas, aumentando os lucros dos investidores nas plataformas.

Todavia, se você continua cético sobre esse mercado, preste atenção na seguinte informação: especialistas apontam que em 2021 o Bitcoin irá valorizar mais de 400%, permanecendo como o ativo mais rentável.

Isso sem contar com outras criptomoedas crescentes no mercado, por exemplo, o Ether. Por isso, o cenário deve permanecer o mesmo.

Contudo, saiba que pode haver oscilações ao longo do ano. São cenários que deverão ser passageiros e, ao final do ano, terminará com saldo positivo. 

O Bitcoin, por exemplo, no início da pandemia teve uma queda profunda em seu valor. Porém, em poucos meses se recuperou extremamente bem.

Mercado de criptomoedas em 2021 –         Criptomoedas são seguras?

Entenda a segurança das criptomoedas
Imagem de uma corrente – Foto por Freepik

SIM! Esse é justamente um dos motivos que levam grandes empresas a recorrer ao mercado das criptomoedas.

Além de ser um mercado seguro e transparente, as transações são irrastreáveis. Muitas pessoas acreditam que, por ser irrastreável, o mercado das criptomoedas pode se tornar alvo de pessoas mal-intencionadas.

Apesar de não ser possível rastrear as transações, isso não significa que as transações não sejam armazenadas.

Cada criptomoeda possui uma plataforma (que recebe o nome técnico de Blockchain). Nessas plataformas, as transações são guardadas em um banco de dados

O mais interessante é que esse banco de dados vive na “nuvem”, não estando sob o poder ou controle de ninguém.

Há plataformas que são tão seguras e avançadas que são mais conhecidas que a própria criptomoeda. É o caso do Ethereum, plataforma extremamente conhecida e, por vezes, confundida com sua criptomoeda – o Ether.

Essas plataformas oferecem uma espécie de carteira digital, onde o usuário pode armazenar suas criptomoedas.

Além disso, quando procurar uma corretora, chamada no mercado das criptomoedas de Exchange, você pode averiguar quais as medidas de segurança fornecidas por ela.

Cuidados antes de investir em Bitcoin e outras criptomoedas

Mercado de criptomoedas em 2021: 1 – Entender a volatilidade

O mercado das criptomoedas oscila muito, sendo extremamente volátil. 

Isso significa que o preço dessas moedas pode estar em alta agora e despencar de repente. Assim, se deseja sobreviver nesse meio, entenda perfeitamente os riscos relacionados à volatilidade.

Mercado de criptomoedas em 2021: 2 – Estudar muito

Estude o máximo que puder. Invista em cursos de qualidade, manuais, guias e e-books. 

Além disso, quando aprender as técnicas de venda e compra desse ativo, preste muita atenção em todas as regras. Não adianta ser um expert nos conceitos e não aplicar as técnicas corretamente.

3 – Atenção a euforia para não comprar na alta e vender na baixa

Mercado de criptomoedas em 2021: Esse tópico é consequência do anterior. Se você estudar muito, terá consciência que ser “emocionado” e eufórico lhe causará grandes prejuízos financeiros.

O mercado das criptomoedas é muito lucrativo, mas exige que seus usuários sejam inteligentes e atentos

4 – Não arrisque muito do seu capital

Mercado de criptomoedas em 2021: Essa dica vale especialmente para os iniciantes. Se estiver começando agora, vá devagar!

Por isso, invista com valores baixos no início. Mesmo que saiba bem a teoria, leva tempo para dominar a prática do mercado. Lentamente, aumente seu capital investido.

Mercado de criptomoedas em 2021:                       Confira as 3 criptomoedas para 2021

3 criptomoedas para 2021
Carteira com criptomoedas – Foto por Freepik

Como mais famosa da lista, a criptomoeda Bitcoin promete continuar seus altos lucros em 2021.

Agora, se você está à procura de uma criptomoeda diferente, saiba que há mais duas boas opções: o Ether e o Tether.

Em resumo, o Ether é a criptomoeda da plataforma Ethereum. Essa criptomoeda teve uma participação de 13% na marca trilionária do mercado das criptomoedas.

O Ether, diferente do Bitcoin, dá grande preferência e importância para a sua plataforma. Assim, fornece uma série de serviços que facilitam a interação dos usuários.

Já o Tether é bem diferente das demais criptomoedas. Isso porque ele tem uma relação com o dólar americano. Assim, para cada 1 Tether há 1 dólar americano correspondente.

A consequência imediata é que o Tether apresenta maior estabilidade do que outras criptomoedas, se tornando uma atração mais interessante para muitos investidores.

Quer aprender a investir em criptomoedas? Então, não perca tempo e aproveite a condição especial do nosso curso de Criptomoedas, Blockchain e Bitcoin. Torne-se um expert no assunto e potencialize seus ganhos.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui