Ibovespa sobe 0,62% e tem primeira semana de alta em 2024

Dados de inflação do Brasil e dos Estados Unidos favoreceram os negócios e derrubaram o dólar nesta sexta-feira (26)

Author
Publicado em 26/01/2024 às 18:41h - Atualizado 2 meses atrás Publicado em 26/01/2024 às 18:41h Atualizado 2 meses atrás por Marina Barbosa
Mercado financeiro (Shutterstock)

Principal índice da B3, o Ibovespa subiu 0,62% nesta sexta-feira (26), aos 128.967 pontos, acumulando uma valorização de 1,04% na semana. Foi a primeira semana de alta do índice em 2024.

💵 Já o dólar caiu pelo quarto dia consecutivo sexta-feira (26). A moeda recuou 0,24%, aos R$ 4,9105. Distante dos quase R$ 5 registrados na segunda-feira (22), o dólar acumula uma queda de 0,33% na semana.

Inflação impulsiona Bolsa

A Bolsa subiu e o dólar caiu nesta sexta-feira (26) impulsionados por dados de inflação do Brasil e dos Estados Unidos. A notícia de que o presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) desistiu de indicar o ex-ministro da Fazenda Guido Mantega para a presidência da Vale (VALE3) também contribuiu com os negócios, bem como o aumento do preço do petróleo.

💲 A prévia da inflação oficial brasileira, o IPCA-15 (Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo 15), subiu 0,31% em janeiro, abaixo das expectativas do mercado. Com isso, o índice acumula uma alta de 4,47% em 12 meses, abaixo dos 4,72% observados nos 12 meses imediatamente anteriores.

Leia também: Gol (GOLL4): Ações derretem 17%, após semana de turbulências

Nos Estados Unidos, o PCE (índice de preços de gastos com consumo) subiu 0,2% em dezembro, fechando o ano com uma alta de 2,9%. O resultado ficou dentro do esperado pelo mercado, mas favoreceu os negócios pois confirma o arrefecimento da inflação e renova as expectativas de que os juros dos Estados Unidos caiam ao longo de 2024.

A queda dos juros dos Estados Unidos favorece mercados emergentes como o Brasil porque diminui a atratividade dos Treasuries americanos, fazendo com que investidores olhem para ativos de maior risco como os dos emergentes. O fluxo de capital favorece a Bolsa e também a cotação do dólar.

Mantega desiste da Vale

🚨 A notícia de que o ex-ministro da Fazenda Guido Mantega não deve ser indicado para a presidência da Vale (VALE3), como queria o presidente Lula, também colaborou com os negócios. A ação da mineradora, que havia caído 2,2% na quinta-feira (25), fechou a sexta-feira (26) em alta de 1,67%, a R$ 69,50.

Ainda assim, a Vale acumula uma queda de quase 10% em 2024. O papel vinha sofrendo com a tentativa do governo de recuperar influência na administração da companhia, por meio da indicação de Guido Mantega, mas também com a queda do preço do minério de ferro, as dúvidas sobre o crescimento chinês e, mais recentemente, com a condenação por pelos danos morais coletivos causados pelo rompimento da barragem de Mariana.

PETRO perto de R$ 40

As ações da Petrobras (PETR4) bateram recordes nesta semana, com a alta do preço de petróleo, e voltaram a subir nesta sexta-feira (26). As ações preferenciais fecharam com alta de 1,73%, aos R$ 39,96. Já as ordinárias subiram 2,19%, aos R$ 41,96.

Gol desaba

✈️ Por outro lado, as ações da Gol (GOLL4) caíram 8,07%, aos R$ 5,92, com o mercado ainda repercutindo o pedido de recuperação judicial da companhia aérea.

A Vulcabras (VULC3), que confirmou na quinta-feira (25) a intenção de lançar uma oferta de ações de até R$ 500 milhões, também figura entre as maiores quedas da B3 nesta sexta-feira (26). O papel recuou 7,21%, aos R$ 18,45.

1ª alta semanal do Ibov em 2024

📈 Com a alta de 0,62% desta sexta-feira (26), o Ibovespa conseguiu a primeira semana de alta de 2024. O principal índice da B3 vinha sofrendo neste início de ano por causa das incertezas sobre os juros dos Estados Unidos e a consequente saída de capital externo da Bolsa brasileira.

De acordo com dados da B3, os estrangeiros já retiraram mais de R$ 5,6 bilhões da Bolsa em janeiro, até o dia 24, último dado disponível. Só na sexta-feira passada (19), a saída de capital externo somou R$ 3,451 bilhões. Foi a maior saída diária de capital externo da B3 desde fevereiro de 2021.

Diante das retiradas dos estrangeiros, a B3 fechou a semana passada em queda de 2,5%. Foi o pior resultado semanal desde março de 2023. Mas as primeiras semanas do ano também já haviam sido negativas. Veja o desempenho semanal do Ibovespa em 2024:

  • De 2 a 5 de janeiro: -1,61%;
  • De 8 a 12 de janeiro: -0,78%;
  • De 15 a 19 de janeiro: -2,56%;
  • De 22 a 26 de janeiro: +1,04%.

Devido a esse desempenho, o Ibovespa acumula uma desvalorização de 3,89% em 2024, mesmo com a alta desta semana. Já o dólar subiu cerca de 1,34% no acumulado do ano, até esta sexta-feira (26).

GOLL4

GOL
Cotação

R$ 1,37

Variação (12M)

-79,15 % Logo GOL

Margem Líquida

-6,51 %

DY

0%

P/L

-3,59

P/VP

0.19