Ações da Apple (AAPL34) atingem recorde histórico após novidades com IA

O valor de mercado da companhia também saltou para US$ 3,14 trilhões.

Author
Publicado em 11/06/2024 às 15:38h - Atualizado 1 mês atrás Publicado em 11/06/2024 às 15:38h Atualizado 1 mês atrás por Elanny Vlaxio
A companhia anunciou uma parceria com a OpenAI para integrar a plataforma ChatGPT 4.0 (Shutterstock)
A companhia anunciou uma parceria com a OpenAI para integrar a plataforma ChatGPT 4.0 (Shutterstock)

A Apple (AAPL34) conquistou um novo recorde histórico nesta terça-feira (11). As ações da gigante da tecnologia dispararam 6,2% na Bolsa de Nova York (Nasdaq). No momento, o preço por ação está cotado em US$ 205,08, impulsionado pelas novidades anunciadas pela companhia no WWDC (Worldwide Developers Conference).

📱 Se a valorização se mantiver até o final do pregão, a Apple poderá superar seu próprio recorde histórico, alcançado em 14 de dezembro de 2023, quando as ações fecharam a US$ 197,59. Com a valorização na sessão de hoje, o valor de mercado da companhia saltou para US$ 3,14 trilhões.

Nesta terça, as ações companhia reagem ao anuncio de uma parceria com a OpenAI para integrar a plataforma ChatGPT 4.0 no novo produto Apple Intelligence. Essa união trará recursos de inteligência artificial generativa para a Siri, assistente virtual da Apple.

Leia também: Google lança função contra roubos e fraudes de celular; veja como se proteger

🤳 A Apple revelou, ainda, que o aplicativo da OpenAI, que conta com a Microsoft (MSFT34) como uma das principais acionistas, será o primeiro módulo de IA a ser integrado ao Apple Intelligence. Isso significa que os usuários poderão utilizar o ChatGPT 4.0 para realizar diversas tarefas, como gerar textos, traduzir idiomas, escrever diferentes tipos de conteúdo criativo.

“Vamos integrar o ChatGPT 4.0 com a Siri para ajudar a criar contexto, quando necessário, para tarefas que o usuário necessitar”, afirmou Craig Federighi, diretor de engenharia da Apple.

Elon Musk intensifica guerra contra Apple

💪 A disputa entre Musk e a Apple ganhou um novo capítulo na última segunda-feira (10). O bilionário, CEO da Tesla (TSLA34) e SpaceX, anunciou que irá banir o uso de dispositivos da Apple em suas empresas caso a gigante de tecnologia integre o software da OpenAI em seu sistema operacional.

Musk, que se desvinculou da OpenAI em 2018, alega que essa integração representa uma "violação de segurança inaceitável". Segundo ele, a medida compromete a confidencialidade das informações em suas empresas, que lidam com dados sensíveis, como segredos comerciais e informações pessoais de clientes.

"Caso a Apple integre OpenAI no nível do sistema operacional, os dispositivos Apple serão banidos em minhas empresas. Isso é uma violação de segurança inaceitável. E os visitantes terão que despechar seus dispositivos da Apple da porta, onde ficarão armazenados em uma gaiola de Faraday", afirmou Musk na plataforma X (antigo Twitter).

AAPL34

Apple
Cotação

R$ 62,75

Variação (12M)

36,78 % Logo Apple

Margem Líquida

26,31 %

DY

0.26%

P/L

34,42

P/VP

46,58