Política de remuneração a acionistas está sujeita a alterações, diz Petrobras (PETR4)

A petroleira afirmou que a política de dividendos depende de fatores como nível de investimentos e fluxo de caixa operacional.

Author
Publicado em 15/04/2024 às 18:01h - Atualizado 1 mês atrás Publicado em 15/04/2024 às 18:01h Atualizado 1 mês atrás por Elanny Vlaxio
(Shutterstock)
(Shutterstock)

A política de remuneração a acionistas da Petrobras (PETR4), que prevê a distribuição de dividendos e JCP (juros sobre capital próprio), está sujeita a alterações, disse a Petrobras em documento a investidores internacionais nesta segunda-feira (15).

📋 De acordo com a Petrobras, possíveis mudanças podem afetar diversos aspectos, incluindo a frequência de pagamentos, métodos de cálculo, indicadores financeiros e os valores mínimos exigidos para pagamento, entre outros. 

A empresa registrou essas informações em um documento conhecido como formulário 20-F, que foi apresentado na última quinta-feira (11) à SEC, a entidade reguladora do mercado de ações nos Estados Unidos, similar à CVM (Comissão de Valores Mobiliários) do Brasil.

Além disso, a petroleira afirmou que a política de dividendos depende de fatores como nível de investimentos e fluxo de caixa operacional e, reforçou, que o pagamento de dividendos acima dos limites mínimos legais e estatuários não é garantia de distribuição futura. 

Leia também: BRF (BRFS3) salta 10% com recomendação de bancos

“Caso optemos por um plano estratégico que exija um maior volume de investimentos, ou alteremos nosso plano estratégico para isso, o valor destinado à distribuição de dividendos poderá ser reduzido", disse a companhia em comunicado. 

📝 A Petrobras também declarou que mudanças na composição de seu Conselho de Administração e diretoria poderiam levar a alterações na política de dividendos aos seus acionistas.

O debate sobre os dividendos da Petrobras tem ocorrido desde o começo do governo de Luiz Inácio Lula da Silva (PT), iniciado em 2023. Lula tem sido um defensor da diminuição desses pagamentos aos acionistas para possibilitar um aumento nos investimentos da empresa.

✉️ No decorrer do ano passado, o conselho da Petrobras aprovou uma alteração na fórmula para o cálculo dos dividendos, reduzindo a porcentagem do fluxo de caixa livre (após os investimentos) de 60% para 45%.

PETR4

Petrobrás
Cotação

R$ 36,61

Variação (12M)

68,83 % Logo Petrobrás

Margem Líquida

22,45 %

DY

19.76%

P/L

4,34

P/VP

1,17