Justiça multa Burger King (ZAMP3) por propaganda enganosa do Whopper Costela

Mc Donald’s já foi autuado anteriormente por suposto sanduíche de picanha

Author
Publicado em 21/05/2024 às 14:42h - Atualizado 1 mês atrás Publicado em 21/05/2024 às 14:42h Atualizado 1 mês atrás por Wesley Santana
Grupo Zamp é responsável pelas marcas Burger King e Popeyes no Brasil. Foto: Shutterstock
Grupo Zamp é responsável pelas marcas Burger King e Popeyes no Brasil. Foto: Shutterstock

A Justiça do Maranhão multou o Burger King, restaurante subsidiário do Grupo Zamp (ZAMP3), por propaganda enganosa. O caso se refere a 2021, quando a cadeia de lanchonetes lançou um suposto hambúrguer chamado "Whopper Costela".

⚖️De acordo com os autos do processo, não tinha costela suína na composição do lanche, e sim paleta suína, considerado um dos cortes mais baratos do porco. A ação coletiva foi protocolada pelo Ibedec (Instituto Brasileiro de Estudo e defesa das Relações de Consumo).

A princípio, o órgão pediu uma indenização total de R$ 20 milhões, além de R$ 1 mil por danos morais para os consumidores que forem enganados pelos produtos. No entanto, o juiz maranhense Douglas de Melo Martins, fixou o pagamento em R$ 200 mil, destacando que “a situação não resultou em consequências além do aborrecimento”.

Na época em que o sanduíche foi lançado, diversos consumidores reclamaram diante da repercussão do caso. A rede de fast food, então, excluiu a opção do cardápio oficial e fez uma campanha de publicidade para dizer que, de fato, não se tratava de costela.

Leia mais: Dona do Burger King quer operar Starbucks no Brasil, diz jornal

“Sentimos muito pelo ocorrido e anunciamos a troca imediata do nome do sanduíche para ‘Whoper’”, dizia publicidade do BK. “O sanduíche continua igual e a composição permanece sendo 10% de carne de paleta suína com aroma de costela”, completou.

Em nota à imprensa sobre a decisão recente, o Burger King afirmou que “a decisão não é definitiva, cabendo recurso por parte da empresa, que será apresentado no momento oportuno”.

Essa não é a primeira vez que uma rede de fast food é alvo de ações por trocar a composição de seus lanches sem avisar os consumidores. Em 2022, o Procon-SP notificou o Mc Donald’s por supostamente vender o Mc Picanha com hambúrgueres de outras partes bovinas.

Segundo a marca norte-americana, os sanduíches foram “desenvolvidos com um sabor mais acentuado de churrasco, trazendo como novidade o exclusivo molho sabor Picanha”, disse.

ZAMP3

ZAMP S.A
Cotação

R$ 3,75

Variação (12M)

-30,68 % Logo ZAMP S.A

Margem Líquida

-3,35 %

DY

0%

P/L

-7,74

P/VP

0.79