Venda de postos e sede do GPA (PCAR3) pode levantar até R$ 450 mi

A venda deve ajudar no plano para reeducação da alavancagem financeira da empresa

Author
Publicado em 23/02/2024 às 11:33h - Atualizado 1 mês atrás Publicado em 23/02/2024 às 11:33h Atualizado 1 mês atrás por Elanny Vlaxio
(Shutterstock)

Um dia após reportar prejuízo líquido milionário, o GPA (Grupo Pão de Açúcar) - (PCAR3) está em negociação para vender os postos de gasolina da empresa no Brasil e o imóvel-sede, localizado na cidade de São Paulo, segundo publicação feita nesta sexta-feira (23). Por volta das 12h, as ações da empresa recuavam 0,75%, cotadas a R$ 3,95. 

💲 De acordo com o GPA, a venda ajudaria no plano para redução da alavancagem financeira - o tamanho da dívida em relação à rentabilidade da empresa, por meio da venda de ações non core e a melhoria de eficiência na alocação de capital. 

Na avaliação da empresa, a soma da venda dos ativos pode atingir o valor total de R$ 400 milhões a R$ 450 milhões. Mas que, por enquanto, ainda não foi celebrado qualquer acordo vinculante para venda. 

Leia também: Latam reporta queda de 53,5% no lucro de 2023

Lucro em 2023

No quarto trimestre de 2023, a empresa apresentou um prejuízo líquido de R$ 303 milhões. Quando comparado ao mesmo período do ano anterior, o resultado do GPA mostra uma redução de 72,5% no prejuízo líquido, um ano antes, as perdas foram de R$ 1,102 bilhão.

📊 No mesmo período de 2023, a receita líquida foi de R$ 5,257 bilhões, correspondendo a um crescimento de 7,3% na comparação com igual etapa de 2022. Já o lucro bruto foi de R$ 1,329 bilhão, com uma alta de 21,9%. 

PCAR3

Grupo Pão de Açúcar
Cotação

R$ 2,46

Variação (12M)

-83,41 % Logo Grupo Pão de Açúcar

Margem Líquida

-11,01 %

DY

0%

P/L

0.57

P/VP

0.26