BRF (BRFS3) reverte prejuízo no 1º tri e vai recomprar ações

Companhia teve lucro trimestral de R$ 594 milhões e vai recomprar até 14 milhões de ações.

Author
Publicado em 07/05/2024 às 20:50h - Atualizado 2 meses atrás Publicado em 07/05/2024 às 20:50h Atualizado 2 meses atrás por Marina Barbosa
A BRF é dona de marcas como Sadia, Perdigão e Qualy (Shutterstock)
A BRF é dona de marcas como Sadia, Perdigão e Qualy (Shutterstock)

A BRF (BRFS3) registrou um lucro líquido de R$ 594 milhões no primeiro trimestre de 2024, revertendo o prejuízo de R$ 1 bilhão registrado no mesmo período do ano anterior. Além disso, aprovou um novo programa de recompra de ações.

Lucro no 1º tri

De acordo com a BRF, o lucro líquido de R$ 594 milhões do primeiro trimestre reflete a melhora do resultado operacional e a redução das despesas financeiras líquidas da companhia.

🍗 No lado operacional, a BRF teve maior rentabilidade no mercado doméstico e se beneficiou com a evolução dos preços da proteína in natura em diversos mercados internacionais. Já no lado financeiro, a companhia foi beneficiada pela queda dos juros.

De acordo com a BRF, o preço médio de venda teve uma alta de 3,5% na comparação anual, com a "recuperação do mercado de proteína in natura após o cenário da sobreoferta global de frango que pressionou os preços durante a maior parte do ano de 2023".

Com isso, a receita operacional líquida da companhia cresceu 1,5% em relação ao mesmo período de 2023, para R$ 13,3 bilhões. O Ebitda ajustado teve um salto de 248,8%, para R$ 2,1 bilhões. A margem Ebitda disparou de 4,6% para 15,8%. 

Leia também: Itaú (ITUB4) pode ter dividendo extraordinário em 2024; confira

Recompra de ações

Além dos resultados do primeiro trimestre, a BRF anunciou nesta terça-feira (7) um novo programa de recompra de ações. A companhia vai recomprar até 14 milhões de ações ordinárias nos próximos 18 meses.

💰 Segundo a BRF, o objetivo é "maximizar a geração de valor para o acionista, promovendo a alocação eficiente dos recursos disponíveis e da estrutura de capital da Companhia".

As ações recompradas serão mantidas em tesouraria para posterior alienação, cancelamento ou cumprimento dos planos de outorga de opção de compra de ações e de ações restritas da companhia.

A BRF vai usar recursos da reserva de capital para custear as recompras e diz que o programa não afeterá sua composição acionária ou saúde financeira.

A companhia tem cerca de 814,5 milhões de ações em circulação no mercado, além de 17,8 milhões de ações em tesouraria. E contava com R$ 2,7 bilhões na reserva de capital ao final do primeiro trimestre.

BRFS3

BRF
Cotação

R$ 22,47

Variação (12M)

152,47 % Logo BRF

Margem Líquida

0.91%

DY

0%

P/L

-77,22

P/VP

2,36