ELPL3 ENEL - ELETROPAULO

Cotação
R$ 49,32 0,00%
VALORIZAÇÃO (12M)
0,00%
P/L
20,00
P/VP
2,88
DY
0,00%
ROE
14,39%

INDICADORES FUNDAMENTALISTAS ELPL3

P/L
20,00
P/VP
2,88
DIVIDEND YIELD (DY)
0,00%
PAYOUT
0,00%
MARGEM LÍQUIDA
3,27%
MARGEM BRUTA
9,15%
MARGEM EBIT
9,15%
MARGEM EBITDA
14,56%
EV/EBITDA
5,56
EV/EBIT
8,86
P/EBITDA
4,50
P/EBIT
7,16
P/ATIVO
0,33
P/CAP.GIRO
-12,94
P/ATIVO CIRC LIQ
-0,44
PSR
0,65
VPA
17,14
LPA
2,47
GIRO ATIVOS
0,50
ROE
14,39%
ROIC
13,53%
ROA
1,64%
DÍVIDA LÍQUIDA / PATRIMÔNIO
0,68
DÍVIDA LÍQUIDA / EBITDA
1,07
DÍVIDA LÍQUIDA / EBIT
1,70
DÍVIDA BRUTA / PATRIMÔNIO
1,37
PATRIMÔNIO / ATIVOS
0,11
PASSIVOS / ATIVOS
0,89
LIQUIDEZ CORRENTE
0,91
CAGR RECEITAS 5 ANOS
1,71%
CAGR LUCROS 5 ANOS
36,94%

COTAÇÃO ELPL3

ENEL - ELETROPAULO

(Avaliações dos usuários)

61.695.227/0001-93

SOBRE ENEL - ELETROPAULO - ELPL3

Negociada na bolsa desde o final de 2002, a Eletropaulo, é uma empresa responsável pela distribuição de energia elétrica no estado de São Paulo, após ser comprada pelo grupo italiano Enel, que possui sede em Roma e atua na geração e distribuição de energia elétrica, passou a se chamar Enel Distribuição São Paulo.

A Enel São Paulo é a maior distribuidora de energia elétrica da América Latina, distribuindo energia elétrica a 24 municípios da Grande São Paulo, incluindo a capital, maior polo econômico do Brasil. Neste setor, a empresa alcança mais de dezoito milhões de pessoas, concentradas em oito milhões de unidades consumidoras. O consumo anual aproximado é de 42 mil gigawatts-hora (GWh) de energia.

Negociada na bolsa desde 06 de Novembro de 2002, a Eletropaulo é a maior distribuidora do país em termos de energia distribuída. Atende a 24 municípios da região metropolitana de São Paulo, incluindo a capital paulista, um dos principais centros econômico-financeiros do Brasil e do mundo.

A empresa conta atualmente com cerca de sete mil funcionários. Entre seus ativos estão 163 estações transformadoras de distribuição (ETD), totalizando 12,6 GVA de potência instalada, 1,7 mil quilômetros de circuito de subtransmissão (138/88 kV) e uma rede de aproximadamente 311 mil quilômetros de condutores aéreos, três mil quilômetros de condutores subterrâneos e 1,2 milhão de postes.

A área de concessão da empresa é de 4.526km quadrados, o que equivale 1,6 mil consumidores por quilômetro quadrado.

HISTÓRIA DA ENEL - ELETROPAULO

No final de 1970 foi assinado um contrato de concessão da Light com o governo federal, já em 1981, na gestão de Paulo Maluf, o governo do estado de São Paulo concluiu a compra da Light paulista criando a própria empresa de energia, agora com o nome de Eletropaulo. A nova empresa foi por uma década uma das maiores estatais de São Paulo, gerando mais de 26 mil empregos.

A Eletropaulo Metropolitana foi privatizada em 1999: o controle acionário da Eletropaulo Metropolitana foi comprado em 15 de abril de 1998, através de leilão, pela Lightgás, consórcio formado pelas empresas americanas AES Corporation, Houston Industries Energy, pela francesa Électricité de France (EDF) e pela brasileira Companhia Siderúrgica Nacional (CSN).

Em 2001, com a venda das ações da Reliant e da CSN para a AES Corporation, a Eletropaulo Metropolitana passou a ser controlada apenas pela AES. O novo acionista passou a chamar a empresa de AES Eletropaulo nas contas, cartas, comunicados e propagandas.

Em 2010, as ações preferências da empresa passaram a ser negociadas na BM&F Bovespa sob código unificado ELPL4. Assim, deixaram de existir os tickers ELPL5 e ELPL6 na mesma data. Considera-se, portanto, o histórico da ELPL6 como da ação preferencial ELPL4.

Em novembro de 2017 efetivou a migração para o Novo Mercado, o mais alto nível de governança corporativa da B3 e se tornou uma true corporation, passando a deter apenas ações ordinárias (ELPL3), assim retornando ao seu nome anterior Eletropaulo.

No dia 4 junho de 2018, a Enel Brasil comprou 73,38% das ações da Eletropaulo, por R$ 5,55 bilhões. Com a compra, realizado por meio de leilão na B3, o grupo europeu se tornou líder na distribuição de energia elétrica na América Latina, atendendo 17 milhões de clientes no Brasil.

Já em 2018, foi realizado o processo de Oferta Pública de Aquisição de Ações da Eletropaulo, incluindo as Companhias Energisa S.A, Neoenergia S.A e Enel Brasil Investimentos Sudeste S.A. No dia 4 de junho de 2018, foi finalizado o leilão para aquisição de controle da Eletropaulo, no qual o Grupo Enel, através da Enel Brasil Investimentos Sudeste S.A. adquiriu ao preço de R$45,22 por ação, 122.799.289 ações ordinárias, representativas de, aproximadamente, 73,4% do capital total e votante da companhia, incluindo as ações em tesouraria.

Durante o tempo de venda das ações remanescentes, 33.359.292 ações foram também adquiridas pela Enel, que então passou a deter, desde o dia 13 de julho de 2018, 93,3% do capital da empresa. A partir de 03 de dezembro de 2018 passa a se chamar Enel Distribuição São Paulo.

PONTOS RELEVANTES

  • Presença de mercado
  • Previsibilidade de receita
  • Dependência de concessão
  • Alto valor de investimento para expansão
Isso não é uma recomendação de compra/venda.

SOBRE ENEL - ELETROPAULO - ELPL3

VALOR DE MERCADO
R$ 9,74 Bilhões
R$ 9.739.065.634
VALOR DE FIRMA
R$ 12,05 Bilhões
R$ 12.054.980.634
PATRIMÔNIO LÍQUIDO
R$ 3,38 Bilhões
R$ 3.384.610.000
Nº TOTAL DE PAPEIS
197,47 Milhões
R$ 197.466.862
ATIVOS
R$ 29,73 Bilhões
R$ 29.730.050.000
ATIVO CIRCULANTE
R$ 7,37 Bilhões
R$ 7.374.930.000
DÍVIDA BRUTA
R$ 4,63 Bilhões
R$ 4.628.860.000
DÍVIDA LÍQUIDA
R$ 2,32 Bilhões
R$ 2.315.915.000
DISPONIBILIDADE
R$ 2,31 Bilhões
R$ 2.312.945.000
SEGMENTO DE LISTAGEM
Tradicional
FREE FLOAT
0,00%
TAG ALONG
0,00%

COMPARADOR DE AÇÕES

P/L P/VP ROE DY Valor de
Mercado
Margem
Líquida
ELPL3 20,00 2,88 14,39% 0,00% R$ 9,74 B 3,27%
ELET3 6,00 0,64 10,63% 4,90% R$ 49,97 B 24,74%
EGIE3 14,78 4,93 33,36% 5,51% R$ 35,24 B 21,13%
CPFE3 9,71 2,34 24,12% 5,96% R$ 34,69 B 12,06%
REDE3 23,71 4,18 17,62% 0,88% R$ 22,33 B 8,76%
NEOE3 8,60 1,02 11,88% 2,31% R$ 21,65 B 8,70%
EQTL3 6,38 1,80 28,15% 1,52% R$ 20,87 B 18,08%
CMIG4 8,91 1,05 11,73% 5,14% R$ 18,87 B 8,20%
ENEV3 27,22 2,57 9,43% 0,00% R$ 18,68 B 21,92%
TIET11 20,43 4,56 22,31% 7,60% R$ 18,67 B 15,17%
ENGI11 9,20 2,12 23,00% 1,29% R$ 18,52 B 9,10%
TRPL4 7,55 1,27 16,87% 4,10% R$ 17,55 B 53,94%
CPLE6 4,71 0,90 19,13% 3,57% R$ 17,38 B 18,11%
CEEB3 13,86 2,65 19,13% 2,62% R$ 17,26 B 10,33%
TAEE11 6,92 1,93 27,94% 11,44% R$ 11,15 B 57,25%
ENBR3 7,73 1,01 13,05% 3,35% R$ 11,14 B 9,74%
CPRE3 18,66 1,86 9,94% 0,00% R$ 10,82 B 29,47%
CESP6 6,24 1,28 20,57% 6,59% R$ 9,73 B 79,28%
ENMA3B 12,60 2,57 20,37% 0,61% R$ 8,39 B 17,17%
ALUP11 5,19 0,85 16,31% 1,36% R$ 7,42 B 26,86%
LIGT3 -64,67 1,03 -1,59% 0,00% R$ 7,01 B -0,90%
EQPA3 10,07 1,88 18,71% 2,61% R$ 6,87 B 12,00%
OMGE3 -2.983,28 1.759,19 -58,97% 0,00% R$ 6,63 B -0,42%
ENMT4 11,28 2,49 22,05% 1,90% R$ 6,55 B 12,10%
EKTR3 10,54 1,83 17,35% 1,36% R$ 4,91 B 7,51%
EEEL3 11,64 1,67 14,38% 2,39% R$ 4,55 B 27,02%
GEPA4 17,39 2,37 13,64% 7,37% R$ 4,12 B 16,39%
COCE5 11,43 1,40 12,21% 3,85% R$ 3,72 B 6,80%
CBEE3 26,97 0,82 3,03% 2,25% R$ 2,95 B 1,81%
CSRN3 9,54 2,34 24,56% 1,82% R$ 2,84 B 11,81%
CEBR3 19,28 2,69 13,98% 1,45% R$ 2,68 B 2,73%
GPAR3 20,98 1,78 8,50% 0,00% R$ 2,10 B 43,58%
CLSC4 5,58 1,16 20,70% 3,82% R$ 1,94 B 4,27%
CEPE3 11,17 0,91 8,11% 0,00% R$ 1,63 B 2,24%
EMAE4 13,12 1,39 10,58% 1,94% R$ 1,27 B 25,53%
AFLT3 27,89 3,30 11,85% 8,47% R$ 616,97 M 59,01%
CEED3 -0,31 -0,09 28,67% 0,00% R$ 471,13 M -44,49%
RNEW4 -0,32 -0,11 34,21% 0,00% R$ 159,29 M -772,86%

Receitas e Lucros ENEL - ELETROPAULO - ELPL3


Resultados ENEL - ELETROPAULO - ELPL3

ATIVOS/PASSIVOS ENEL - ELETROPAULO - ELPL3


BALANÇO PATRIMONIAL ENEL - ELETROPAULO - ELPL3

Discussão

Olá, faça login ou cadastre-se para postar uma pergunta.

ou