Méliuz (CASH3) registra prejuízo de R$ 20,7 mi no quarto trimestre

O número total de contas atingiu 33,4 milhões, um aumento de 18% em relação ao ano anterior.

Author
Publicado em 13/03/2024 às 21:05h - Atualizado 3 meses atrás Publicado em 13/03/2024 às 21:05h Atualizado 3 meses atrás por Matheus Rodrigues

📈 A Méliuz (CASH3) reportou um prejuízo líquido consolidado de R$ 20,7 milhões no quarto trimestre de 2023 (4T23), revertendo um lucro de R$ 5,4 milhões reportado no mesmo período de 2022, conforme anunciado pela companhia nesta quarta-feira (13).

No entanto, em termos ajustados, a empresa registrou um lucro de R$ 29,4 milhões, uma melhoria significativa em relação às perdas de R$ 19,2 milhões no 4T22.

O Ebitda ajustado consolidado totalizou R$ 16,3 milhões no 4T23, representando um aumento de 161% em comparação com o 4T22.

O volume de vendas brutas (GMV) atingiu R$ 1,346 bilhão no 4T23, registrando uma diminuição de 14% em relação ao mesmo período do ano anterior.

📊 Por outro lado, a receita líquida aumentou para R$ 100,4 milhões no quarto trimestre de 2023, um crescimento de 23% em comparação com o mesmo período de 2022.

O resultado foi impulsionado pelos melhores resultados do Shopping Brasil e dos Serviços Financeiros devido aos avanços na parceria com o banco BV.

O volume total de pagamentos (TPV) foi de R$ 70,4 milhões no 4T23. No entanto, os custos e despesas consolidados totalizaram R$ 136,7 milhões no mesmo período, representando um aumento de 60% em relação ao 4T22.

A taxa líquida de serviço (net take rate) da empresa ficou em 2,4%, uma redução de 0,2 ponto percentual em comparação com o mesmo período do ano anterior, enquanto o take rate foi de 6,5%, uma queda de 0,4 ponto percentual.

O número total de contas atingiu 33,4 milhões, um aumento de 18% em relação ao ano anterior.

CASH3

MÉLIUZ
Cotação

R$ 5,86

Variação (12M)

-3,53 % Logo MÉLIUZ

Margem Líquida

3,78 %

DY

0%

P/L

41,44

P/VP

0.64