Klabin (KLBN11) inicia operações em nova fábrica de papel ondulado

A nova unidade, que ocupa uma área de 65 mil metros quadrados, está equipada com duas onduladeiras e nove impressoras.

Author
Publicado em 23/04/2024 às 09:00h - Atualizado 1 mês atrás Publicado em 23/04/2024 às 09:00h Atualizado 1 mês atrás por Matheus Rodrigues

💲 A Klabin (KLBN11) deu início às operações de sua nova unidade de papelão ondulado, conhecida como Projeto Figueira, localizada na cidade paulista de Piracicaba.

Com uma capacidade produtiva de 240 mil toneladas por ano, a planta representa um investimento bruto total de R$ 1,567 bilhão até 2025.

A nova unidade, que ocupa uma área de 65 mil metros quadrados, está equipada com duas onduladeiras e nove impressoras.

De acordo com a apresentação institucional do quarto trimestre (4T23), com o início das atividades do Projeto Figueira, a capacidade total de conversão de papelão ondulado da Klabin atingirá 1,3 milhão de toneladas por ano.

O projeto foi anunciado em julho de 2022, quando a Klabin já era a maior fabricante de papel ondulado do Brasil, com um crescimento médio anual de 11,3% entre 2016 e 2021 nesse mercado.

📈 Na época, a empresa justificou o investimento no Projeto Figueira, destacando que o segmento de papelão ondulado apresenta preços estáveis e resilientes, devido à alta exposição ao setor de alimentos.

KLBN11

Klabin
Cotação

R$ 21,03

Variação (12M)

12,91 % Logo Klabin

Margem Líquida

11,10 %

DY

5.52%

P/L

13,29

P/VP

2,30