Kepler Weber (KEPL3) capta empréstimo de R$ 150 mi para investir em fábricas

O financiamento visa a expansão e modernização de suas fábricas em Panambi (RS) e Campo Grande (MS).

Author
Publicado em 10/05/2024 às 09:10h - Atualizado 1 mês atrás Publicado em 10/05/2024 às 09:10h Atualizado 1 mês atrás por Matheus Rodrigues
O acordo prevê um período de pagamento de sete anos.
O acordo prevê um período de pagamento de sete anos.

💲 A Kepler Weber (KEPL3), principal empresa de armazenagem e soluções pós-colheita de grãos na América Latina, obteve um empréstimo de R$ 150 milhões do IFC, uma divisão do Banco Mundial.

Esse financiamento visa a expansão e modernização de suas fábricas em Panambi (RS) e Campo Grande (MS).

O acordo prevê um período de pagamento de sete anos, incluindo dois anos de carência para o pagamento do principal.

O empréstimo, que será em reais, terá sua taxa de juros atrelada ao CDI mais um spread adicional, protegendo a empresa contra variações cambiais no principal e nos juros.

Atualmente, a Kepler Weber experimenta uma forte demanda por seus produtos e serviços, especialmente considerando o déficit de armazenamento de grãos no Brasil.

No final do primeiro trimestre deste ano, a empresa registrou um lucro líquido de R$ 52,2 milhões, um aumento de 2% em relação ao mesmo período do ano anterior.

📈 O Ebitda ajustado alcançou R$ 91,3 milhões, refletindo um crescimento de 18%, enquanto a receita líquida subiu para R$ 380,3 milhões, marcando um aumento de 17,7% em comparação anual.

KEPL3

KEPLER WEBER
Cotação

R$ 9,99

Variação (12M)

26,32 % Logo KEPLER WEBER

Margem Líquida

15,68 %

DY

8.61%

P/L

7,29

P/VP

2,30