Itaúsa (ITSA4) pagará R$ 3,1 bilhões em dividendos adicionais

Companhia pagará provento em 8 de março, junto com os JCP anunciados no segundo semestre de 2023

Author
Publicado em 19/02/2024 às 19:01h - Atualizado 2 meses atrás Publicado em 19/02/2024 às 19:01h Atualizado 2 meses atrás por Marina Barbosa
(Shutterstock)

A Itaúsa (ITSA4) aprovou nesta segunda-feira (19) a distribuição de R$ 3,1 bilhões em dividendos adicionais, referentes ao exercício de 2023. A companhia ainda marcou para 8 de março o pagamento de outros proventos anunciados no ano passado.

💲 De acordo com a Itaúsa, o dividendo adicional de R$ 3,1 bilhões corresponde a um valor de R$ 0,3005 por ação e será pago em 8 de março. Terão direito ao provento os acionistas registrados ao final do dia 22 de fevereiro de 2024, isto é, na próxima quinta-feira.

JCP

A companhia também decidiu pagar em 8 de março os JCP (Juros sobre o Capital Próprio) que foram anunciados ao longo do segundo semestre de 2023. São quatro proventos que, juntos, somam R$ 2,5 bilhões.

🗓️ Veja a data de anúncio e o valor bruto por ação de cada um dos JCP que serão pagos em 8 de março:

  • 20 de julho: R$ 0,0515;
  • 18 de setembro: R$ 0,1165;
  • 16 de outubro: R$ 0,0515;
  • 13 de dezembro: R$ 0,0794.

Vale lembrar que o pagamento de JCP está sujeito à retenção de 15% de IR (Imposto de Renda). Por isso, o valor líquido por ação será menor para os acionistas que não têm direito a isenção ou imunidade tributária.

Caso tenha direito a todos os JCP listados acima (cada um teve uma data de corte diferente), o acionista da Itaúsa receberá o valor bruto de R$ 0,2989 por ação ou o valor líquido de R$ 0,254065 por ação em JCP no próximo dia 8 de março.

Leia também: Itaúsa (ITSA4) pagará JCP todo trimestre, veja calendário

Dividend yeld

Em fato relevante, a Itaúsa disse que os proventos referentes ao exercício de 2023 somam o montante líquido de R$ 8 bilhões, já considerando os dividendos anunciados nesta segunda-feira (19). De acordo com a companhia, o valor representa um dividend yield de 8,1%.

O dividend yield mostra o rendimento obtido por uma ação através dos proventos distribuídos pela empresa nos últimos 12 meses. No caso da Itaúsa, o indicador marcava 5,6% antes dos dividendo anunciados nesta segunda-feira (19), de acordo com dados do Investidor10.

O número de 8,1% informado pela Itaúsa considera os dividendos adicionais, mas também a atual composição do capital social e o valor de fechamento da ação preferencial da companhia nesta segunda-feira (19). O papel terminou o dia cotado a R$ 10,54, com alta de 0,76%.

Calendário para 2024

Ainda nesta segunda-feira (19), a Itaúsa publicou o calendário de pagamento dos proventos trimestrais de 2024. A companhia prevê o pagamento de cinco JCP no valor bruto de R$ 0,0235295 por ação.

O primeiro pagamento será em 1º de abril de 2024, de acordo com a base de acionistas do dia 29 de fevereiro. Veja o calendário completo aqui.

ITSA4

ITAUSA
Cotação

R$ 9,59

Variação (12M)

27,13 % Logo ITAUSA

Margem Líquida

182,39 %

DY

9.22%

P/L

7,36

P/VP

1,19