Usiminas (USIM5) cai forte na B3 após resultado do 1º trimestre

O lucro líquido da companhia caiu 93% na comparação com o mesmo período de 2023, afetado pelos preços do minério de ferro.

Author
Publicado em 23/04/2024 às 16:00h - Atualizado 1 mês atrás Publicado em 23/04/2024 às 16:00h Atualizado 1 mês atrás por Marina Barbosa
(Shutterstock)
(Shutterstock)

A Usiminas (USIM5) apresentou um lucro líquido de R$ 36 milhões no primeiro trimestre de 2024. O resultado é 93% menor que o do mesmo período de 2023 e derruba as ações da companhia nesta terça-feira (23).

📉 As ações da Usiminas figura entre as maiores baixas do dia na B3. Às 15h15, o papel derretia 12,49%, a R$ 9,25.

O desempenho da Usiminas no primeiro trimestre deste ano foi afetado principalmente pela volatilidade dos preços do minério de ferro, que têm oscilado diante das dúvidas sobre a demanda chinesa. A companhia, contudo, também mostrou preocupação com as crescentes importações de aço.

Leia também: Marisa (AMAR3): Ações derretem mais de 5% após anúncio de prejuízo milionário no 4T23

💲 Com preços menores e vendas relativamente estáveis, a Usiminas viu sua receita cair, mesmo depois de reduzir os custos dos produtos vendidos em 9%. A receita líquida diminuiu 14% em relação ao mesmo período de 2023, para R$ 6,22 bilhões.

Já o Ebitda ajustado despencou 47%, para R$ 415,9 milhões. A margem Ebitda ajustado passou de 10,8% no primeiro trimestre de 2023 para 6,7% no mesmo período de 2024.

A Usiminas projeta estabilidade nos seus volumes de vendas de aço e minério de ferro no segundo trimestre de 2024, além de uma redução do custo de produção do aço bruto. O mercado, contudo, decidiu adotar uma postura cautelosa diante dos resultados do primeiro trimestre, pelo menos no pregão desta terça-feira (23).

USIM5

USIMINAS
Cotação

R$ 7,54

Variação (12M)

4,29 % Logo USIMINAS

Margem Líquida

3,62 %

DY

3.75%

P/L

9,80

P/VP

0.4