Parceira da Shein, Coteminas (CTNM4) entra em recuperação judicial

Recuperação também atinge as controladas da companhia: Springs Global, Santanense e Ammo Varejo.

Author
Publicado em 08/05/2024 às 15:20h - Atualizado 1 mês atrás Publicado em 08/05/2024 às 15:20h Atualizado 1 mês atrás por Marina Barbosa
A Coteminas é um grupo têxtil que pertence ao atual presidente da Fiesp, Josué Gomes da Silva (Shutterstock)
A Coteminas é um grupo têxtil que pertence ao atual presidente da Fiesp, Josué Gomes da Silva (Shutterstock)

Mais uma empresa brasileira entrou em recuperação judicial: a Coteminas (CTNM4), grupo têxtil que é parceiro da Shein e pertence ao presidente da Fiesp (Federação das Indústrias do Estado de São Paulo), Josué Gomes da Silva.

🧵 Anunciada nesta quarta-feira (8), a recuperação judicial da Coteminas também vale para as controladas do grupo: Springs Global (SGPS3), Santanense (CTSA4) e Ammo Varejo, que vende produtos de cama, mesa e banho de marcas como MMartan, Santista e Artex.

A recuperação judicial foi solicitada depois que o Odernes Fundo de Investimento em Participações Multiestratégia cobrou o vencimento antecipado de debêntures emitidas pela Ammo Varejo em 2022. A Coteminas, por sua vez, não vê condições para o vencimento antecipado e lembra que já enfrentava dificuldades antes mesmo dessa cobrança.

Leia também: Casas Bahia (BHIA3) convoca AGE para ratificar recuperação extrajudicial

"Desde o fim da pandemia, a Companhia vem tendo seus negócios negativamente impactados pela combinação de fatores adversos que acarretaram dificuldades financeiras", afirmou.

💲 De acordo com a Coteminas, o pedido de recuperação judicial foi aprovado pela Justiça na terça-feira (7) e visa "garantir a preservação das atividades empresariais e de ativos das Companhias e suas controladas, que ficariam sujeitas a dano irreparável". Afinal, a recuperação suspende temporariamente as ações e execuções contra a empresa.

"Com a concessão do pedido a Companhia entende que conseguirá a sua restruturação financeira e de todas as empresas do Grupo", afirmou.

A companhia não informou o valor da dívida a ser renegociada na recuperação judicial, nem o potencial impacto do processo nas suas operações. Em abril de 2023, a Coteminas anunciou uma parceria com a Shein, para que os seus clientes passassem a ser fornecedores do marketplace asiático.

CTNM4

COTEMINAS
Cotação

0.76

Variação (12M)

-78,47 % Logo COTEMINAS

Margem Líquida

-39,42 %

DY

0%

P/L

0.05

P/VP

0.1