Musk vai à China, de olho nas vendas da Tesla (TSLA34)

O bilionário tenta levar o sistema de condução autônoma para a China, o maior mercado de carros elétricos do mundo.

Author
Publicado em 28/04/2024 às 14:18h - Atualizado 2 meses atrás Publicado em 28/04/2024 às 14:18h Atualizado 2 meses atrás por Marina Barbosa
Musk encontra o primeiro-ministro chinês, Li Qiang (Reprodução/CCTV e Facebook)
Musk encontra o primeiro-ministro chinês, Li Qiang (Reprodução/CCTV e Facebook)

O CEO da Tesla (TSLA34), Elon Musk, desembarcou na China e se reuniu com o primeiro-ministro chinês, Li Qiang, neste domingo (28).

🚘 A viagem de Musk não havia sido anunciada e ocorre em um momento estratégico para a Tesla, que perdeu o posto de maior vendedora de carros elétricos do mundo para a chinesa BYD no fim de 2023.

Para tentar impulsionar suas vendas e receitas, a Tesla comunicou na terça-feira (28) o plano de acelerar o lançamento de carros elétricos mais baratos.

Além disso, a companhia americana quer levar a sua tecnologia de direção autônoma total para a China. No dia 20 de abril, Musk disse a um usuário do X que isso "pode ser possível muito em breve".

Leia também: Zuckerberg perde posto de 3º mais rico para Musk

O lançamento do software de condução autônoma está na pauta da viagem de Musk à China, segundo a "Reuters". O bilionário, no entanto, ainda não confirmou o motivo da visita.

🤝 No X, Musk apenas publicou uma foto da reunião com o primeiro-ministro chinês, Li Qiang, e disse estar honrado em encontrá-lo. "Nós nos conhecemos há muitos anos, desde os primeiros dias de Xangai", escreveu.

Segundo a CCTV, emissora de televisão estatal chinesa, o bilionário disse que era bom ver os veículos elétricos progredindo na China e destacou o bom desempenho da fábrica da Tesla em Xangai.

Li Qiang avaliou que o crescimento da Tesla na China é "um exemplo bem-sucedido de cooperação econômica e comercial entre China e Estados Unidos".

O primeiro-ministro chinês disse ainda que "cooperação em pé de igualdade" e "benefícios mútuos" interessam ambos os países e afirmou que o mercado chinês estará aberto para empresas estrangeiras, "como sempre".

Musk indicou, então, que a Tesla está disposta a aprofundar a cooperação com a China para alcançar resultados vantajosos para ambos os lados.

Salão do Automóvel de Pequim

A visita de Musk à China também coincide com o Salão do Automóvel de Pequim. Ainda não se sabe se o dono da Tesla vai ao evento.

O primeiro-ministro chinês já compareceu ao salão e ressaltou na ocasião a importância do desenvolvimento de carros elétricos e conectados.

TSLA34

Tesla
Cotação

R$ 42,23

Variação (12M)

0,52% Logo Tesla

Margem Líquida

14,37 %

DY

-%

P/L

58,86

P/VP

12,29