Inflação avança 0,56% em dezembro e fecha 2023 abaixo do teto da meta

IPCA fechou 2023 em 4,62%, menor nível anual desde 2020

Author
Publicado em 11/01/2024 às 10:05h - Atualizado 5 meses atrás Publicado em 11/01/2024 às 10:05h Atualizado 5 meses atrás por Juliano Passaro
(Shutterstock)
(Shutterstock)

📉 A inflação, medida pelo IPCA (Índice de Preços ao Consumidor Amplo), avançou 0,56% em dezembro. Mesmo assim, o índice fechou 2023 em 4,62%, número abaixo do teto da meta. Os dados foram divulgados nesta quinta-feira (11) pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística).

📈 O IPCA de dezembro aumentou 0,28 ponto percentual em relação ao mês imediatamente anterior. Além disso, foi o sexto mês consecutivo de avanço do índice.

A meta de inflação, determinada pelo CMN (Conselho Monetário Nacional), para 2023 era de 3,25%, com margem de erro de 1,5 ponto percentual para mais ou para menos.

Veja também: ETFs de Bitcoin também estão disponíveis no Brasil, veja opções

Grupos que mais influenciaram resultado da inflação em dezembro

🍚 Entre os grupos com maior influência no resultado de dezembro, Alimentação liderou, apresentando variação positiva de 1,11% e impacto de 0,23 ponto percentual no índice.

Segundo André Almeida, gerente do IPCA, houve um impacto grande em alimentos in natura (tubérculos, hortaliças e frutas) devido às variações climáticas.

"No caso do arroz, que registrou alta pelo quinto mês seguido, a produção foi impactada pelo clima desfavorável. Já a alta do feijão tem relação com a redução da área plantada, o clima adverso e o aumento do custo de fertilizantes", disse Almeida.

O grupo de Transportes também impactou o índice, com alta de 0,48% e impacto de 0,10 ponto percentual.

✈️ O resultado do grupo de transportes foi influenciado pelas passagens aéreas, que tiveram aumento de 8,87%, com contribuição individual de 0,08 ponto percentual no índice.

⛽ Por outro lado, os combustíveis registraram queda de preços. Dessa forma, óleo diesel, etanol, gasolina e gás veicular tiveram queda de 1,96%, 1,24%, 0,34% e 0,21%, respectivamente.