CVM americana aprova lançamento de ETFs de Ethereum (ETH)

O Ethereum foi idealizado por Vitalik Buterin em 2014.

Author
Publicado em 24/05/2024 às 08:50h - Atualizado 30 dias atrás Publicado em 24/05/2024 às 08:50h Atualizado 30 dias atrás por Elanny Vlaxio
(Shutterstock)
(Shutterstock)

Em uma decisão histórica que surpreendeu muitos no mercado financeiro, a SEC (Securities and Exchange Commission), a Comissão de Valores Mobiliários dos EUA, aprovou na última quinta-feira (23), a listagem de ETFs (fundos de índice negociados em bolsa) com exposição direta ao Ethereum (ETH).

💲 A SEC autorizou o lançamento dos ETFs propostos por gestoras tradicionais VanEck, Ark Invest/21 iShares, Invesco, Fidelity, BlackRock e Franklin Templeton, além das companhias de criptomoedas Grayscale e Bitwise. Contudo, essa autorização ainda não permite que os produtos sejam colocados no mercado, pois ainda é necessária a aprovação de outros documentos a serem apresentados pelas gestoras.

Leia também: Bitcoin (BTC) subiu 4,4% no mês pós-halving, menos que em 2020

A aprovação dos ETFs de bitcoin, em janeiro, foi considerada histórica para uma nova era de integração entre o mercado financeiro tradicional e o das criptomoedas.

💰 Já a aprovação do ETF de ethereum, marca um novo passo na história, isso porque a decisão da SEC pode encerrar os questionamentos sobre a natureza desses criptoativos e o embate entre o mercado e os reguladores que dura há mais de uma década.

Vale lembrar que o Ethereum, idealizado por Vitalik Buterin em 2014, é mais do que apenas uma criptomoeda. É a base da rede blockchain Ethereum, que se tornou a plataforma líder para aplicativos descentralizados (DApps) e tokenização de ativos.