Como investir em stocks? É possível investir em ações americanas sem sair do Brasil? Se você pensa em investir em ações internacionais, mas não sabe por onde começar, este conteúdo é para você.

O Investidor 10 preparou um guia definitivo, completo e gratuito para ajudar brasileiros que assim como você querem investir nas ações das maiores empresas do mundo, mas não sabem por onde começar.

Neste guia sobre como investir em stocks, vamos mostrar em detalhes como você pode ser sócio das maiores empresas do mundo sem precisar sair do Brasil.

Estamos falando na compra de ações de empresas como Amazon, Google, Microsoft, Netflix, Facebook, Tesla, Apple e muitas outras.

Deseja saber mais? Então continue conosco e acompanhe este conteúdo até o final!

Como Investir em Stocks [Guia Definitivo]
Como Investir em Stocks [Guia Definitivo] – Foto: Freepik

Como investir em stocks: Passo a Passo

Investir em stocks pode ser uma excelente oportunidade para diversificação de carteira e também para a proteção do patrimônio e poder aquisitivo do investidor.

Com a inflação em alta e o Real cada vez mais desvalorizado, proteger parte do patrimônio e das reservas no exterior é uma saída que tem se tornado comum entre os investidores.

Se antes, apenas grandes investidores mantinham recursos no exterior, hoje, pequenos e médios investidores também podem conquistar esse privilégio.

Por mais que muitos possam considerar difícil e complexo, investir no exterior pode ser mais fácil do que você imagina, confira o passo a passo que preparamos para você.

1.Abra conta em uma corretora internacional

Abrir conta em uma corretora de valores internacional é o primeiro passo a ser dado por quem deseja investir em stocks.

Por sinal, existem inúmeras corretoras no mercado e boa parte delas aceita investidores brasileiros.

Vale destacar que abrir conta em uma corretora no exterior é simples, em geral, você precisa apenas da sua identidade e de um comprovante de endereço.

Sendo assim, confira algumas opções de corretoras no exterior para abrir a sua conta e começar a investir:

Avenue

A Avenue é uma das corretoras internacionais mais conhecida e procurada pelos brasileiros, afinal, ela não cobra taxa para manutenção de conta e ainda oferece plataforma para abertura de conta e Home Broker em português.

Também chama a atenção o grande número de ativos e opções de investimentos internacionais oferecidos pela Avenue aos seus clientes.

DriveWealth

Outra corretora muito procurada pelos brasileiros é a DriveWealth que também oferece plataforma para abertura de conta e Home Broker em português.

A DriveWealth não cobra taxa de abertura de conta, no entanto, oferece uma menor variedade de ativos.

Interactive Brokers

Para aqueles que dominam o inglês, a Interactive Brokers pode ser uma boa opção.

Essa corretora não oferece acesso a Home Broker em português, no entanto, conta com uma plataforma de investimentos completa e com uma série de recursos tecnológicos.

Você pode abrir uma conta em qualquer uma das corretoras pela internet, sem sair de casa e em poucos minutos.

Por fim, vale destacar que além das corretoras listadas existem outras no mercado, portanto, pesquise e encontre aquela que oferece mais benefícios e que melhor combina com o seu perfil e objetivos como investidor.

2.Transfira dinheiro para a conta da corretora

Muitos investidores deixam de adquirir ativos internacionais por acreditar que os trâmites para envio de dinheiro para o exterior são muito complexos.

Entretanto, ao contrário do que muitos imaginam, o envio de remessas internacionais de valores é bem simples. Existe, inclusive, duas formas de enviar dinheiro para o exterior, são elas:

Plataforma da corretora: Algumas corretoras internacionais oferecem serviços integrados para remessa internacional de recursos.

Nas corretoras que oferecem esse tipo de facilidade, normalmente o investidor que deseja enviar dinheiro para a sua conta de investimentos no exterior faz um TED para uma conta brasileira indicada pela corretora.

Por sua vez, a corretora identifica o recebimento do valor, realiza a sua conversão e credita o dinheiro na conta de investimentos do cliente.

Plataformas terceirizadas: Caso a sua corretora internacional não ofereça serviços integrados para remessa de valores, você pode fazer uso de serviços terceirizados.

Existem algumas empresas no mercado que são especialistas no envio de remessas para o exterior.

Sendo assim, basta encontrar aquela que oferece as melhores taxas e condições para criar uma conta.

Após criar a conta na plataforma terceirizada para transferências internacionais, faça um TED para ela e na sequência solicite que esse dinheiro seja transferido para a sua conta de investimentos no exterior.

Investir em stocks – 3.Envie suas ordens de compra

Com saldo disponível na corretora de valores internacional, é hora de investir em stocks.

Analise as opções que o mercado tem a oferecer e escolha as melhores ações internacionais com base nas suas estratégias e objetivos. Por fim, é só enviar as suas ordens de compra.

No entanto, antes de enviar suas ordens de compra, faça um estudo detalhado sobre os ativos em que você pretende investir, aumentando assim, a sua assertividade ao investir em stocks.

Para analisar ações internacionais, conte com a plataforma e os indicadores de stocks do Investidor 10 e tome boas decisões.

Aqui no site você encontra indicadores completos relacionados às ações de empresas negociadas nas bolsas de valores americanas.

Dentre os indicadores de ações internacionais que o Investidor 10 disponibiliza gratuitamente para você, podemos destacar:

  • P/L
  • P/VP
  • Dividend Yield;
  • ROE;
  • ROA;
  • Margem Líquida, Bruta e Operacional;
  • Histórico de cotação;
  • Valor de Mercado;
  • Patrimônio Líquido;
  • Histórico de Receitas e Lucros;
  • Dentre outras informações relevantes.

Para acessar a nossa página com indicadores fundamentalistas que vão ajudar você a investir em stocks, clique aqui.

Vantagens de investir em stocks

Vantagens de investir em stocks
Vantagens de investir em stocks – Foto: Freepik

Agora que você já sabe como investir em stocks, confira as principais vantagens relacionadas a este tipo de aplicação financeira:

Diversificação de mercado e da carteira: Investidores que diversificam a carteira de investimentos, aplicando recursos em stocks e outros tipos de ativos, conseguem diminuir o grau de risco da sua carteira de ativos.

Thiago Nigro, por exemplo, criador do canal “O Primo Rico” e fundador da Rico Investimentos, defende que uma carteira de investimentos sólida, bem diversificada e segura deve ser distribuída de forma igualitária entre as seguintes classes de ativos:

  • Ações Brasileiras
  • Real Estate (Fundos Imobiliários)
  • Caixa
  • Ativos Internacionais

Exposição ao Dólar: Outra vantagem interessante encontrada por quem decide investir em stocks, diz respeito à proteção patrimonial relacionada à exposição a moedas fortes e com alto potencial de valorização, como é o caso do Dólar.

Maior segurança quanto às instabilidades nacionais: O Brasil é um país com cenário econômico conturbado, marcado por crises e instabilidades políticas e econômicas que costumam aumentar os riscos dos ativos locais.

Sendo assim, quem investe no exterior e em economias mais fortes costuma encontrar maior segurança para o seu capital com base na estabilidade econômica de grandes países, dentre eles, os Estados Unidos.

Exposição às maiores companhias do mundo: Para aqueles que decidem investir em stocks, manter parte do seu patrimônio aplicado nas maiores empresas do mundo é um excelente negócio.

Quem decide investir em stocks pode receber dividendos e lucrar em cima de empresas com negócios bilionários.

Maior liquidez: A Bolsa de Valores americana é uma das maiores e mais importantes do mundo, são milhares de ativos listados e uma liquidez impressionante.

Por sua vez, a liquidez pode ser considerada mais um fator de segurança para os investidores.

Maior potencial de retorno: Por fim, vale destacar como uma importante vantagem, o grande potencial de retorno oferecido por boa parte das ações internacionais.

Como funciona a tributação para investimentos internacionais

Ao investir em stocks, é importante que você conheça os impostos que incidem sobre esse tipo de operação. São ao todo 3 tributos, sendo dois brasileiros e um americano, veja:

Imposto americano na fonte sobre dividendos de ações americanas: O governo americano retém na fonte 30% dos dividendos distribuídos aos investidores pelas empresas listadas na Bolsa de Valores.

Imposto brasileiro sobre juros e dividendos recebidos no exterior: O governo brasileiro tributa com alíquota de 15% os dividendos recebidos por brasileiros em bolsas de valores internacionais.

Imposto brasileiro sobre ganho de capital no exterior: Por sua vez, o governo brasileiro também tributa em 15% o lucro superior a R$ 20 mil mensais na venda de stocks.

Conheça as BDRs, uma alternativa para investir no exterior

Conheça as BDRs, uma alternativa para investir no exterior
Conheça as BDRs, uma alternativa para investir no exterior – Foto: Freepik

Você acredita que investir em Stocks pode ser uma boa alternativa para diversificar a carteira de investimentos e aumentar a sua rentabilidade?

Se a sua resposta foi “SIM”, saiba que muitos investidores concordam com você.

No entanto, umas parcelas significativas deles não investem nesse tipo de ativo, alegando diversos motivos dentre eles:

  • Necessidade de abrir conta em uma corretora internacional;
  • Forma de tributação dos investimentos no exterior;
  • Taxas cobradas nas transferências internacionais.

Como vimos ao longo deste guia, para investir em stocks, ou seja, em ações de empresas americanas, o investidor precisa:

  • Abrir conta em uma corretora de valores internacional;
  • Enviar dinheiro para a conta da sua corretora no exterior.

Como uma alternativa para aqueles que não desejam abrir conta em corretoras internacionais e enviar remessas para o exterior surgiram as BDRs – Brazilian Depositary Receipt.

As BDRs permitem que o investidor brasileiro adquira ações internacionais aqui mesmo na Bolsa de Valores brasileira, ou seja, sem abrir conta em corretoras no exterior e enviar dinheiro para fora do país.

Para adquirir BDRs, você pode enviar ordens de compra na sua corretora brasileira, utilizando o código da BDR desejada.

Os códigos de negociação os BDRs funcionam da seguinte forma:

  • 4 letras iniciais que demonstram a empresa ao qual se refere o BDR.
  • 2 Números que indicam se o BDR é patrocinado ou não e o seu nível.

Para saber mais sobre BDRs, conhecer o ticker dos papéis negociados na B3 e seus indicadores, acesse a área de BDRs, do Investidor 10, clicando aqui.

O nosso guia definitivo sobre como investir em stocks ajudou você?

Esperamos que após a leitura completa deste conteúdo, você tenha retirado todas as suas dúvidas sobre o assunto.

No entanto, se você deseja aprender ainda mais sobre stocks e outros investimentos, continue navegando em nosso blog, tem muito conteúdo de qualidade por aqui, vale à pena conferir!

Para finalizar, siga também a nossa página no Instagram e fique sempre por dentro de novidades e assuntos mais interessantes relacionados ao mundo dos investimentos.

Antes de sair, não se esqueça de salvar o Investidor 10 nos favoritos para não nos perder de vista.

Até a próxima!